Ritual de Imbolc, Despertar da Terra 🌱

Como forma de agradecer o Círculo Orgânico de Mulheres de ontem, quero deixar aqui um ritual para novos começos, iniciações, crescimento, fertilidade e uma energia nutridora neste Imbolc! ☀️ Vamos precisar de: * sal grosso marinho ou sais de Epsom (à venda na Naturovida Espaço de Saúde Natural) * pétalas de calêndulas ou camomilas (pelo regresso do sol) * pétalas de rosa (para o amor próprio) * 2 folha de papel * vela branca por estrear * pequena taça à prova de fogo Fazemos da nossa casa de banho um espaço sagrado! * acendemos as velas que entendermos * queimamos ervas secas, por ex: salvia, ou um incenso, o mais natural possível. * colocamos uma música à nossa escolha * antes de entrarmos no banho, respiramos, sentimos os pés no chão e libertamos profundamente pela expiração tudo o que pretendemos libertar * permitimo-nos ficar com a mente mais clara e deixamo-nos completamente nuas e vulneráveis * escrevemos num papel o que pretendemos libertar do Inverno que passou * queimamos o papel e deixamos essa energia ser libertada de nós, no fim entregamos essas cinzas na terra. Entramos no banho, fechamos os olhos e relaxamos. Conectamos com o que pretendemos nutrir neste Imbolc. Meditamos sobre como a natureza se reflete em nós. O que precisamos cultivar para nascer nesta Primavera? Respiramos nestas ideias e intenções e visualizamo-las a chegarem. Escrevemos as nossas intenções! O que queremos curar, cultivar, fazer crescer gentilmente com a chegada do Equinócio? Sejamos específicas e claras: Nesta noite de Imbolc eu,........ quero........! (assinamos o nosso nome no fim!) Escrevemos e deitamos os papéis com as intenções dentro da água do banho e sentimos as nossas intenções a impregnarem a água. Visualizamos isso no nosso ventre e sentimos as emoções a chegarem quando imaginanos os frutos das nossas intenções. Fecho: Antes de despejarmos a água, enviamos a nossa gratidão ao universo, a Deus, à Deusa, à Fonte e agradecemos todas as bênçãos da nossa vida! Muitas bênçãos neste Imbolc, neste Despertar da Terra!
Finalmente conseguimos arquivar os dossies de 2020! Estava difícil. Como estão os vossos arquivos do ano que passou? 

O da ilusão foi o mais difícil de arquivar. Aquele onde mora a paixão, a confiança, a certeza, a inteireza, a verdade e também as conexões de alma.

Se, até aqui estivemos paradas no separador embeiçadas 2020, depressa deixámos de ficar.

O mundo "tinderico" tem destas coisas e não foi preciso descer a aplicação! O Facebook ajudou! 

Aparecem cromos para colar em cadernetas em todo o lado! Basta scrolar!

O mundo virtual muito nos atrai, adoramos conhecer pessoas por aqui. Ainda mais em fase de pandemia, passamos o tempo em busca de conexões, partilhas e likes para compensar a falta de abraços, muitas em vão, pois se pensávamos que iam adiantar algum crescimento à humanidade esqueçam, só vamos ver que afinal ainda temos umas coisas para resolver e é conosco! Por mais que aches que entendem o que estás a escrever, não estão. Estão só em viagem, a ver o mundo sob os seus sapatos e daquele conforto não saiem, são demasiados likes para pôr em causa as certezas absolutas. Nem vale a pena subir nesse cavalo para dar uma volta! Não sabe o caminho! Mas fomos nós quem atraiu essas pessoas, por isso: Look at yourself first! Lembrete: não são os outros, és tu! É sobre aquilo que ainda ilude uma miúda de 37 anos, que ainda muito sonha!

Aprendemos também que afinal somos terráqueos, temos ciúmes vejam bem, inveja, raiva e sentimentos tais como provincianas, como é possível?! Mentes tão arejadas? Como é possível? A sorte é que lidamos bem com as nossas sombras, depressa as encontramos e depressa as despromovemos: Suas incompetentes!!! How dare you?! Mas a TPM tem estes momentos, quem nunca se estatelou ao comprido na sua pré menstruação ou a ler isto estão só deusas iluminadas que têm menstruações onde o sangue vem completamente purificado e sem manchas escuras?! Naaaa, não acreditamos! 

Agora vamos lá a desintoxicar e a purificar o corpinho desta entrada em 2021 que ainda vamos a tempo de fazer um brilharete no separador embeiçadas, dossie 2021 e sair deste arquétipo de menina mal amada! 

Da aldeia com amor, muito desembeiçada e mais feliz agora, 
Belinda