Feliz ano velho Feliz ano novo

Feliz ano velho que tanto me ensinou.

Comecei o ano de 2015 com a certeza que ia ser mãe pela segunda vez. Passei uma gravidez a fazer mais do que devia, dei aulas de yoga a grávidas, cuidei da Mel e dos amiguinhos, levei-a à praia todas as vezes que me pediu e tirámo-la de uma escola que não gostávamos para ficar com ela a tempo inteiro. Recebi o Sebastião nos meus braços da forma que mais desejei, sem romantismos é verdade, porque é sempre rápido demais, mas mais lindo e transformador não podia ser. Abracei mais pessoas, fiz novas amizades, também me desiludi com algumas que na verdade não são mais do que reflexos das minhas sombras e por isso as quero voltar a abraçar um dia destes. Dei muitos mergulhos, fiz naturismo com a minha família, passeei por Sintra, Mértola, Évora, Serra da Estrela, Gerês e Costa Vicentina. Renovei o blog pensando que ia ter mais tempo para ele. Enganei-me, agora só tenho tempo para os míudos e para mim pouco sobra. Levei a Mel a uma nova escola. Gostámos e vamos ficar até que finalmente possamos abrir as portas do Jardim Alfazema. Cheguei atrasada ao casamento do melhor amigo dos tempos de estudante. Fui a círculos de mulheres onde me senti acarinhada e nutri a minha essência. Fiz um dos melhores cursos da minha vida, tornei-me doula de mim mesma. Fizeram-me tia da Leonor que é mais um encanto da família. Li mais livros do que pensei e menos dos tantos que desejo ler. Vi concertos de Jazz e de Músicas do Mundo, prometi não mais voltar aos concertos do meo arena. Inscrevi-me num curso de 3 anos que vou começar muito em breve. Adoeci em vésperas de Natal, fiquei boa, passei o Natal em Évora com a família, a Mel adoeceu depois. Ficou boa. Passámos de ano com os amigos no Maria Mar Surf and Guest House . O meu iphone não aguentou as festas e parece ter morrido. O Sebastião é um verdadeiro comilão, também já é apaixonado pela sua mãe mas ainda não sabe.

Sobre 2016, conversamos em 2017...
Feliz ano novo.



0 comentários:

Enviar um comentário